Follow by Email

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

“Porque em cada pedaço de mim, sempre haverá um pedaço de você."


          Sabe, eu devo confessar que os últimos dias tem sito difíceis. É que nada parece fazer sentido, e tudo está extremamente entediante. Eu ando mais emotiva que o normal, mas é que a cada novo dia eu tenho a certeza de que nunca terei você aqui comigo, e isso me machuca muito. Eu sei que a única culpada nesse amor desesperado sou eu, eu não o culpo por nada. Mas é que de repente deu uma vontade de colocar pra fora um pouco da dor que ta me sufocando. Eu to tentando dá um jeito nisso, e dá meio que uma virada radical e focar minha mente em outras coisas, só pra tentar esquecer por alguns minutos essa dor que insiste preencher meu coração. Mas eu não tenho tido muito sucesso nisso, quanto mais eu tento, mais eu lembro de você, e no quanto seria incrível está ao seu lado, te tocando e me sentindo a pessoa mais sortuda de todo o universo. Embora você seja a causa do meu sofrimento, é também a causa da minha felicidade. Você mexe tanto comigo, e desperta sentimentos que sinceramente não fazem nenhum sentido. É como se existisse algo que me prende a você, mas eu gosto disso. Ta doendo, e a dor se aprofunda a cada novo dia. É difícil olhar pra todos os lados e não encontrar você, isso dói em mim e não existe cura pra isso a não ser você, que está tão distante de mim. Eu apenas não sei o que fazer mais, na verdade eu desejo desaparecer por uns tempos, dormir algumas horas só pra fugir dessa realidade que é não ter você. Mas eu não to conseguindo me tranqüilizar. Mas enfim, eu ainda te amo demais, e te curto todos os dias, e ainda te espero como se algum dia você fosse aparecer.


Nenhum comentário:

Postar um comentário