Follow by Email

sábado, 26 de maio de 2012

“O amor. Dura o tempo de um para sempre. E começa outra vez.”


“Quando a gente gosta, a gente cuida. Cuida mais do que devia. Gostar é se prevenir do desgosto. A gente nunca sabe o que é suficiente, a gente vai se doando, se gastando, sem pedir troco. A gente gasta mais do que tem e corre atrás para imaginar o que não viveu para não fazer falta à memória mais adiante.”
(Fabrício Carpinejar )


Nenhum comentário:

Postar um comentário